segunda-feira, 24 de julho de 2017

Doria planeja vender o transporte público de São Paulo todo de uma só vez


A Prefeitura de São Paulo planeja lançar ao mesmo período as três grandes privatizações de transporte público: a operação dos terminais de ônibus, das linhas e do sistema de pagamento do bilhete único.



A Prefeitura de São Paulo planeja lançar ao mesmo período as três grandes privatizações de transporte público: a operação dos terminais de ônibus, das linhas e do sistema de pagamento do bilhete único. Trata-se de formar um "pacotão do transporte público" e vende-lo aos empresários para lucrarem em cima da mobilidade urbana da maior cidade do país.

É um grande risco à qualidade do transporte público e ao custo do transporte público na vida do trabalhador, pois submete esse direito fundamental aos interesses de mercado, de lucro, de grandes empresários estrangeiros e despreocupados com a população.

A estratégia, diz o prefeito João Doria (PSDB), é atender ao "grande apetite" de capitalistas árabes e asiáticos no setor. Doria, em visita à China, tem hoje reuniões no Banco da China e no Banco de Desenvolvimento da China e deve focar as conversas em duas das três privatizações: terminais e bilhete único. A estratégia é preparar terreno para "negócios" futuros.

Esquerda Diário – 24/07/2017

Comentário do SINFERP

Realmente, é a fome com a vontade de comer. O grande apetite dos capitalistas árabes e asiáticos diante da grande oferta da apetitosa oferta capitalista do engomadinho alcaide da capital dos paulistas.

2 comentários:

Pregopontocom Tudo disse...

Olá amigo...VC conhece aquele velho ditado????...."quem pariu Matheus que balance"......kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk....apôis

SINFERP disse...

Conhecemos, mas com não parimos esse Mateus, não temos nenhuma razão para embalá-lo.