quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Torcedor santista é agredido por torcedores do Palmeiras dentro de estação da CPTM


No último sábado (14), um torcedor do Santos foi agredido por membros de uma organizada do Palmeiras na estação Corinthians-Itaquera, em São Paulo.
O momento da agressão foi flagrado por uma pessoa que estava dentro de um vagão do trem próximo aos torcedores que estavam dando socos e chutes no santista, que já aparentava estar sem forças para reação, deitado no chão.
Felizmente, o santista, que possui 37 anos, conseguiu sair da situação e prestou depoimento na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), na última segunda-feira (16). A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) repassou as imagens à Polícia Federal que investigará o caso.
No vídeo, pode-se perceber a voz de uma mulher revoltada com a situação, indignada que ninguém ali próximo fazia nada para evitar as agressões. Entretanto, um funcionário da estação chega ao lado do santista agredido, porém, não consegue controlar os torcedores do Palmeiras.
Como medida para evitar esse tipo de situação novamente, o Ministério Público, juntamente com a Federação Paulista de Futebol definiram que em clássicos entre os times paulistas seriam com torcida única, ou seja, apenas o time da casa poderia ter o apoio da torcida na arquibancada. A decisão se manteve para 2017.
No fim de 2016, mais precisamente em dezembro, membros de torcidas organizadas de São Paulo se reuniram para firmar um pacto de paz, com a ideia de “Mais festa, nenhuma violência”. O encontro foi em frente ao estádio do Pacaembu, e juntos também prestaram homenagem à Chapecoense.
Torcedor.com – 15/01/2017
Comentário do SINFERP
Usuários inseguros dentro dos trens, das plataformas e das estações... Que coisa....

Nenhum comentário: