terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Light pede falência da SuperVia (RJ) por dívida de R$ 38 milhões


Enquanto isso...
– Valor formado foi parcelado em 38 vezes concessionária de trens. Consumo de energia da empresa equivale ao bairro do Leblon –
Rio – A Light pediu na tarde desta segunda-feira a falência da Supervia por causa de uma dívida de R$ 38 milhões. O valor foi parcelado na Justiça em 38 vezes e vem sendo pago, mas a empresa de energia disse que a conta mensal não vem sendo paga. Ainda de acordo com a concessionária, o consumo de energia da SuperVia equivale a todo o bairro do Leblon, na Zona Sul, ou do município de Nilópolis, na Baixada.
“A Light cumpriu todos os procedimentos de cobrança e regulatórios anteriores ao pedido de falência, bem como realizou diversas reuniões com a Supervia em busca da efetiva regularização do fluxo de pagamentos. A empresa adotou esta medida após esgotar todas as possibilidades de negociação”, disse em nota.
O Dia – 20/12/2016
Comentário do SINFERP
SuperVia força uma situação para que governo (população) pague a conta.

4 comentários:

Anônimo disse...

No neoliberalismo tupiniquim é assim, privatiza-se os lucros e socializa-se os prejuízos.

SINFERP disse...

Perfeito. É isso mesmo, mas sempre foi desse jeito. Agora será a vez dos caras das telecomunicações...

Anônimo disse...

105 bilhões para as teles, reforma da Previdência e Trabalhista para o povo e a classe média brincando de Batman com a farsa Sérgio Moro.

SINFERP disse...

Classe média? Que nada! Gente "dura" que conseguiu melhorar um pouco o poder de consumo e com isso "se acha" de classe média. Ah, são justiceiros, vingadores...