terça-feira, 8 de março de 2016

Viagens de trem de passageiros da Vale são suspensas no Maranhão (MA)

Medida ocorreu após protesto de cerca de 300 mulheres que ocuparam os trilhos da ferrovia.

Cerca de 300 mulheres ocuparam os trilhos da Vale, na Ferrovia Carajás, na manhã desta segunda-feira (7). O bloqueio foi na altura do quilômetro 184, próximo ao município de Igarapé do Meio, no Maranhão.

Elas protestavam contra a mineradora alegando que a atividade da empresa tem ameaçado territórios e colaborado com a violência, conflitos trabalhistas e fundiários e acidentes no trecho ao longo de 25 municípios do Pará, Tocantins e Maranhão, atendidos pela ferrovia.

A paralisação começou por volta das 5h e os trens de minério foram impedidos de seguir viagem do Pará para o Porto de São Luís, no Maranhão. As máquinas só voltaram a circular por volta do meio dia.

Em nota, a Vale lamentou o ocorrido e disse que esse tipo de manifestação impede o direito de ir e vir da comunidade. Por causa do protesto, o trem de passageiros não circulará nessa terça (8) e quarta-feira (9), afetando cerca de 3 mil pessoas.

A interdição também pode comprometer o transporte de combustível para municípios da região do sudeste do Pará, sul do Maranhão e centro e norte do Tocantins.

Os passageiros que já haviam comprado bilhetes podem ir às estações e pontos de vendas para realizar a remarcação a partir de quarta-feira, ou solicitar reembolso a partir da sexta-feira (11).

Confira ainda, no Repórter Amazônia desta segunda-feira, 7: relatório aponta piora na qualidade da água de rios da Bacia do Paraguai, no Mato Grosso; e na véspera do dia internacional da mulher, conheça a cooperativa de táxi só de mulheres no Pará. E mais: contribuintes podem doar parte do Imposto de Renda ao Fundo Estadual da Criança e do Adolescente. O Repórter Amazônia é uma produção da Rede de Rádios Públicas da Amazônia e vai ao ar, de segunda a sexta-feira, às 18h30 pela Rádio Nacional da Amazônia.


EBC – 07/03/2016

Nenhum comentário: