quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Em SP, trem falha e PM usa bombas contra passageiros

Jornal GGN - Após uma falha na linha 7-rubi da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), a Polícia Militar usou bombas de gás lacrimogênio contra passageiros em ruas próximas ao terminal Pirituba, na zona norte de São Paulo.
De acordo com a CPTM, uma falha elétrica na linha interrompeu a circulação de trens entre as estações Pirituba e Caieiras, na linha que liga a estação da Luz, no centro da cidade, a Jundiaí, no interior paulista.
A Polícia Militar diz que alguns passageiros depredaram ônibus na região do terminal Pirituba. A Secretaria de Segurança Pública afirma que a PM não agiu para dispersar os usuários do transporte público, mas para evitar a depredação dos ônbus. 
Da Folha

A Polícia Militar usou bombas de efeito de gás lacrimogêneo para dispersar passageiros em ruas próximas ao terminal Pirituba (zona norte de São Paulo), no início da noite desta terça-feira (5).
A confusão ocorreu após uma falha na linha 7-rubi da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), que liga a estação Luz (centro de SP) a Jundiaí, interior.
Segundo a companhia, houve uma falha elétrica na linha, o que chegou a interromper a circulação de trens entre as estações Pirituba e Caieiras. Passageiros desceram dos trens e caminharam pela via férrea.
Ônibus do Paese (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência) foram enviados aos locais, para ajudar no trajeto entre as duas estações.
Segundo a Polícia Militar, alguns passageiros depredaram ônibus na região do terminal Pirituba. Uma equipe de policiais, de acordo com a PM, agiu para dispersar os passageiros.
A Secretaria da Segurança Pública informou que "não atuou para dispersar os usuários do transporte público, mas apenas para evitar que fossem depredados os ônibus coletivos e para garantir a integridade física dos passageiros". A polícia diz que ninguém ficou ferido ou foi detido.
Por meio de sua conta no Twitter, a CPTM informa que os trens da linha 7-rubi estão circulando com velocidade reduzida entre Pirituba e Perus.
AUMENTO DA TARIFA
O preço da tarifa dos trens da CPTM, assim como do metrô e dos ônibus de São Paulo, vai aumentar a partir de sábado (9). 

O governador do Estado, Geraldo Alckmin (PSDB), e o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), decidiram reajustar as passagens unitárias de R$ 3,50 para R$ 3,80.
O aumento de 8,6% será um pouco abaixo da inflação acumulada — a previsão do IPCA para 2015 é de 10,72%. 

GGN – 06/01/2016

4 comentários:

Pregopontocom Tudo disse...

O trem falha e o passageiro é que leva bomba.Os juros dos 20 anos....e tome-lhe no lombo.....

SINFERP disse...

Ah, são vândalos.... A imprensa aceita essa versão. Ninguém percebe que vandalismo é tratar o usuário desse jeito por mais de 20 anos, apesar das constantes propagandas de "modernização". Aliás, quanto mais moderniza pior fica. Usuários são intolerantes, né? Custa esperar mais duas décadas, pô? kkkkkk

Pregopontocom Tudo disse...

Apois...mais num é...que custa esperar nais 20 anos,passa tão rápido que nem da pra sentir as bordoadas na cacunda....kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

SINFERP disse...

Ah, o povo espera, assim como as "oposições", que fazem questão de escolher candidatos que não venceriam eleição nem para síndicos de prédio. Assim, os tucanos reinam soberanos.