quinta-feira, 19 de março de 2015

Passageira que caiu em Metrô lotado no Rio ganha indenização de R$ 21 mil

Foto Marcelo Fonseca
Incidente aconteceu na estação Del Castilho, Zona Norte. Autora da ação diz que passou a ter crise de pânico após o problema.

A Justiça do Rio manteve sentença de primeira instância que indenizou em R$ 21 mil uma passageira que caiu no Metrô, após sofrer com a superlotação. De acordo com a defesa da vítima, ela foi espremida e teve o braço retorcido na estação Del Castilho, na Zona Norte, onde não havia ninguém para ajudá-la.

O incidente aconteceu na manhã de 9 de junho de 2011. O relato da vítima conta que ela foi espremida e sentiu falta de ar por conta do sistema de refrigeração falho, em meio a muitos outros passageiros. Ela só teria sido empurrada para fora do vagão ao perceberem que ela passava mal.

A autora da ação, que não foi identificada, disse que teve crises de pânico depois do ocorrido. Logo após o incidente, ela foi conduzida para um centro ortopédico ao sentir dores na coluna, ombros e braço direito.

O MetrôRio informou em sua defesa que a capacidade de transporte de passageiros não tem sido extrapolada e que novos trens foram adquiridos. Desembargador da 27ª Câmara Cível, João Batista Damasceno, escreveu ser "notório" que o "metrô ainda trafega lotado no horário de fluxo intenso de passageiros".


G1 – 19/03/2015

Nenhum comentário: