quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Passageiros andam nos trilhos após problema em trem no Engenho de Dentro (RJ)

Interrupção foi causada por defeito em um equipamento, o que ocasionou a queda de energia em subestação que atende o trecho. Cinco dos seis ramais operaram com atrasos
Rio - Um trem do ramal Japeri parou no meio do caminho, nas proximidades da Estação Engenho de Dentro, na Zona Norte, na manhã desta quarta-feira. Por conta do problema, que foi causado pela interrupção no fornecimento de energia após um defeito no equipamento que liga a composição e a rede aérea, os passageiros tiveram que desembarcar nos trilhos e andar até a estação. Os intervalos ficaram irregulares nos ramais Deodoro, Belford Roxo, Santa Cruz, Japeri, Saracuruna durante toda a manhã. A linha que parte de Gramacho foi suspensa.

Às 13h30, os ramais Deodoro e Japeri tiveram os ramais normalizados, mas Sararucuna, Santa Cruz e Belford Roxo permaneciam com atrasos e a Linha Gramacho com circulação interrompida. No trecho entre as estações Maracanã e Piedade, atendido pela subestação de energia afetada, os trens circulam por apenas uma linha e as composições dos ramais afetados precisam aguardar ordem de circulação, causando grandes atrasos.

"Estou na estação de Marechal Hermes há 40 minutos. Não passa uma composição e nenhum funcionário informa o que está acontecendo", disse uma leitora através do WhatsApp do DIA (98762-8248),  relatando logo posteriomente que após 1h10 de espera decidiu pegar um ônibus.

Após o trem parar, por volta das 8h49, os passageiros desembarcaram na linha férrea e andaram até a estação. Eles reclamaram da falta de auxílio da SuperVia. Um homem se machucou após cair no desembarque e levado a uma unidade de saúde pelo Corpo de Bombeiros. "Caos na SuperVia, na altura do Engenho de Dentro. Pessoa ferida na linha e idosos andando nos trilhos", relatou uma passageira também pelo  WhatsApp.

Em nota, a concessionária disse que os passageiros forçaram a abertura das portas.  Além da ocorrência no Engenho de Dentro, um trem ficou parado em Piedade para vistoria. Técnicos da concessionária realizam reparos na rede aérea, no trecho entre as estações de Triagem e Parada de Lucas e os trens precisam aguardar ordem de circulação. A SuperVia disse que os passageiros estão sendo avisados dos atrasos pelo meio do sistema de áudio dos trens e das estações. O trabalho deve ser concluído às 17h e as partidas ocorrem com atraso.

Agetransp irá investigar 

A Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro) vai investigar o incidente ocorrido no Engenho de Dentro, além de outro problema na Estação Penha.

Dois procedimentos apuratórios foram abertos para verificar as causas dos incidentes. Além da análise técnica, os fiscais também vão avaliar o atendimento prestados aos passageiros da SuperVia. Os técnicos acompanham os procedimentos que estão sendo adotados para o restabelecimento da operação.


O Dia – Adriano Araújo - 28/01/2015

Nenhum comentário: