segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Alagamento interrompe circulação de trens na Grande São Paulo

Os trens não circulam entre as estações Franco da Rocha e Baltazar Fidélis da Linha 7-Rubi.
A circulação de trens da Linha 7-Rubi da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) está interrompida entre as estações Franco da Rocha e Baltazar Fidélis, nos dois sentidos, desde às 16h20 desta segunda-feira (3). De acordo com a companhia, a forte chuva que atinge a região provocou alagamento na linha férrea.

O Paese (Plano de Apoio entre Empresas de Transporte frente a Situações de Emergência) já foi acionado para atender aos usuários. Não há previsão para a normalização do sistema, informou a CPTM.
Chuva
A zona norte de São Paulo entrou em estado de atenção para alagamentos às 16h45, segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências). Segundo o órgão da prefeitura, instabilidades formadas pelo calor e pela grande quantidade de umidade disponível na atmosfera provocam pancadas de chuva em parte da capital e na região metropolitana.
A chuva está forte principalmente entre os municípios de Pirapora do Bom Jesus, Cajamar, Caieiras, Franco da Rocha e Francisco Morato. Na capital, a chuva está moderada nos bairros de Perus, Jaraguá, Brasilândia e Tremembé. Ainda de acordo com o CGE, as áreas de chuva se deslocam gradualmente de leste para oeste e podem se espalhar para outros bairros da capital. Há potencial para queda de granizo.
Segundo o CGE, a zona norte da capital saiu do estado de atenção às 17h35. Por volta das 18h30, a linha de tempestade que se estendia desde Mogi Mirim, passando pela região de Campinas, Indaiatuba e Itu, continuava se deslocando com forte intensidade, e se direciona para o interior do Estado.
R7 – 03/11/2014

Comentário do SINFERP


O motivo da falta d´água é a estação de seca excessivamente prolongada e imprevista. Não “cola”, mas... Agora são enchentes. O que vão dizer? Que também inesperadas? Nossa... Agora temos que ficar entre a seca e o afogamento.

Nenhum comentário: