quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Após atraso de dois anos, CPTM entrega extensão de linha até dezembro

Prolongamento da Linha 8-Diamante em Itapevi, na Grande São Paulo, deveria ter sido entregue em 2011; para justificar demora, secretário diz que 'choveu demais'.

SÃO PAULO - Depois de dois anos de atraso, a reforma do trecho mais a oeste da Linha 8-Diamante da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), entre as Estações Itapevi e Amador Bueno, na Grande São Paulo, deve finalmente ser entregue até dezembro. É o que declarou na terça-feira, 5, o secretário estadual dos Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes. O dirigente garantiu que só faltam alguns detalhes para finalizar o processo antes da reabertura do tramo de 6,3 km e duas estações.
 “Nós vamos entregar neste ano. Ali, agora, só estamos na fase de sinalização. Praticamente, toda a via permanente e a rede aérea estão prontas”, disse Fernandes, que admitiu o atraso nas obras. Questionado sobre o que levou a CPTM a demorar bem mais tempo do que o previsto para terminar as intervenções no local, o dirigente fez uma brincadeira, sorrindo: “Choveu demais.”
O trecho foi interrompido para a reforma em maio de 2010, ainda na gestão José Serra (PSDB). Naquela época, o governo do Estado divulgou que as obras tinham previsão de término em dezembro de 2011. O prazo não foi cumprido. Em abril do ano passado, a reportagem questionou o motivo da demora e recebeu a resposta de que “intervenções em rochas na lateral da via que demoraram mais do que o previsto”. Na época, a CPTM havia definido uma nova data para a inauguração, dezembro de 2012, o que também não se concretizou.

Originalmente, o trecho funcionava como uma “extensão operacional” da CPTM, ou seja, um serviço paralelo ao do restante da Linha 8, que liga Itapevi ao centro da cidade de São Paulo. Por ali, circulavam dois trens de 1958 em grandes intervalos, em viagens gratuitas. Com a reforma, o governo “integrará” o trecho à linha. Os custos da reforma são de R$ 269 milhões.
A Estação Itapevi, atual ponto final da linha, passa por “uma pequena modificação” para receber os trens. O novo trecho terá ainda as Estações Santa Rita e Amador Bueno, ambas no município de Itapevi.
O Estado de São Paulo – Caio do Valle – 06/11/2013

Comentário do SINFERP


Sempre programado para inaugurar em períodos próximos de eleições.

13 comentários:

Anônimo disse...

Extensão que já existia: inauguração ?

Anônimo disse...

tiraram 2 estaçoes, as que continuam (ABU e sana rita ) continuam com a mesma estrutura de parada e passagem de nivel. 3 anos de paralisaçao para colocar a bitola larga e a sinalizaçao.

SINFERP disse...

A única coisa boa nessa lorota é que não conseguem enganar as populações que serão servidas pela "extensão", pois sabem que apenas estão tendo de volta o que esse mesmo governo delas tirou em passado não tão distante.

Anônimo disse...

Impressionante a quantidade de bobagens que o Secretário Fernandes fala, o cara só passa "carão", vergonha e constrangimento, parece bobo da corte. O lance dele e fazer lobby mesmo.

SINFERP disse...

Mas cara de pau é o que não falta a esse governo. Quando o secretário queimou-se, colocaram o vice governador para falar de trens regionais. Como o vice governador aceitou cargo no governo federal, também saiu de cena, e agora volta o secretário. Bem, por falta de opção colocaram até mesmo o presidente da CPTM diante das câmeras.

Paulo Humberto disse...

GOVERNO CARA DE PAU!!! Essa Linha e já existente da CPTM, que já rodava desde a era da FEPASA há mais de 20 anos. Dai o que acontece, quando assume o Governo do PSDB, muitas linhas da CPTM teve uma diminuição de KMs, muitas Cidades e Bairros acabavam deixando de serem atendidos pelos Trens Metropolitanos. ABSURDO! Depois passa-se anos, dai o Governo faz a obra nas Linhas desativadas e abandonadas, e ao invés do Governo CARA DE PAU ASSUMIR QUE SÒ ESTAVA REFORMANDO AS LINHAS A REATIVAÇÃO, prefere fazer uma MENTIRA PARA MAIORIA DO POVO QUE JÀ É BURRO POR CAUSA DESSAS PORCARIAS DE TV E MIDIA EM GERAL, dizer que fez a extençao da Linha. GOVERNO CARA DE PAU!!! DIZER QUE ESTÀ FAZENDO EXTENÇÂO NUMA LINHA QUE JÀ TEVE OS TRENS METROPOLITANOS. Porque o Governo não assume que estava fazendo a reforma da Linha?? Mais como estão já em Campanha Eleitoral (se o Povo fosse mais inteligente, esse PSDB já era para estar fora do Governo do Estado faz tempo!!! Já deveria serem BANIDOS do nosso Estado de São Paulo. E nem adianta colocar depois o PT, é outro
Partido que também nem no Governo do Estado, também nem PMDB, PV e outros da Elite que vive de mamata dos Empresários dos setores Rodoviários e de Empresas Fraudulentas de Licitações), então o Governo desativa alguns ultimos KMs do Trecho da CPTM, dai fica por 1 a 2 anos de obras se arrastando, e depois de recuperar dai eles vem falar em Extenção??? MEU PAI, ONDE ESTAMOS???
E outra, Paranapiacaba que é uma Cidade de tradições Inglesas, tem um grande Turismo e tem um imenso Páteo Ferroviário com trens abandonado(onde no máximo só passa os Trens da MRS), já teve os Trens Metropolitanos da CPTM com última Estação na Cidade, onde a Cidade era atendida com ultima Estação pela Linha 10 Turquesa. Não sei porque o motivo real, o Governo mandou diminuir a Linha 10, e deixando a Cidade sem os Trens da CPTM. Se eu fosse da Cidade, nossa! Eu ficaria revoltado e iria protestar. Até que com a criação do Expresso Turístico e indo até a Cidade, até melhorou um pouco, mais esse Trem e só de passeio e só para fazer um romantismo. Mesmo assim, fico indignado porque os Trens Metropolitanos(do dia dia para o Povo Trabalhador) não chegam mais a Paranapiacana?? Tudo para esse Governo do Estado, é inviável, nada é viável para eles.
E outra, a Cidade de César de Souza, após Mogi das Cruzes. Também lutam pela extenção da Linha 11 Coral. Dai o Governo Promete e depois fala que é inviável. ABSURDO!!
E então Nós daqui de Campinas, Valinhos,Vinhedo, Louveira. Que lutamos pela extenção da Linha 7 da CPTM(cria-se outra Linha), vamos esperar o quê desse Governo?? Promessa de depois os Estudos dizer "inviável"???

SINFERP disse...

De doer, não é Paulo Humberto? É verdade: a CPTM encolheu nas mãos do PSDB.

Anônimo disse...

mas o trecho entre IPV e ABU sempre foi extensao operacional, essa nomenclatura nao é nova. já os trens regionais sim, foi desativado e agora voltam (em projeto) como se fosse novidade. a grande questao nao é ser extensao ou nao, o problema é ficar 2 anos alem do prazo para nao fazer nada. a reforma feita naquele trecho foi muito pouca para o prazo e o dinheiro gasto, nao se justifica 3 anos para colocar a bitola larga, arrumar a sinalizaçao e a rede aerea e dar um tapa em 2 estaçoes, suprimindo outras 2 (dizem que ambuitá seria até mais importante que santa rita).

SINFERP disse...

Era extensão operacional, Anônimo, mas tinha trens circulando, gente por eles atendida.

Anônimo disse...

SINFERP, eu sei disso, só estou questionando o comentario do rapaz acima que disse que o governo veio agora com a nomenclatura de extensao operacional. extensao operacional sempre foi e mesmo que nao fosse, a nomenclatura é o que menos importa, importa é o tempo e dinheiro público gasto para fazer tao pouco naquele trecho. nao justifica. se parou a linha, era para ter feito um trabalho caprichado. o problema na CPTM é que tudo é feito nas coxas, tudo empurrado com a barriga. a qualidade pouco importa.

SINFERP disse...

Ok. Entendemos e pensamos da mesma forma.

Anônimo disse...

Chegou JANEIRO 2014! Cadê a reinauguração ?? PALHAÇADA!

SINFERP disse...

E você acreditou? Chuvas, alguma pedra na caminho, etc. Se todas as desculpas falharem, vândalos, sabotadores, maquinista, etc...