quarta-feira, 6 de março de 2013

CPTM se dá mal na primeira rodada de negociações


A CPTM divulgou aos ferroviários a mensagem ao lado, mas não explicitou adequadamente os motivos: 

1) os sindicatos presentes (o da Sorocabana esteve ausente) não aceitaram negociar com os negociadores "contratados" pela empresa; 2) querem resposta sobre o pagamento da PPR; 3) negociam apenas com a presença dos quatro sindicatos. 

Boa notícia para os ferroviários das linhas 8 e 9, bem como para todos os ferroviários. O caminho da perseguição, demissão e isolamento, adotado pela empresa com o nosso sindicato, não está levando aos resultados por ela desejados. 

4 comentários:

Anônimo disse...

vcs estao priobidos de participar da mesa de reuniao? e acptm, nao vai por seu pessoal pra discutir, vai chamar advogados contratados?

SINFERP disse...

Não estamos "proibidos", mas a CPTM quer nos dizer quem de nós pode participar, onde será a reunião, e ainda aparece com advogados "de fora" para negociar, tendo os seus próprios. Em resumo, não quer "negociar", mas impor condições.

Anônimo disse...

legalmente falando, ela pode fazer isso? ou se fizer pode se dar mal quando for julgado pelo juiz? e com relaçao as escalas, pq a CPTM está acabando com as compensaçoes de sexta-feira, sendo que o pessoal do horario comercial compensa os feriados?

SINFERP disse...

Boa noite, Anônimo. Difícil dizer no que pode dar se for para julgamento. Quanto a outra questão, a "negociação" está em curso, por enquanto com os demais sindicatos, e sem a presença do nosso. Por enquanto.