quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Caxias do Sul (RS) nomeia comissão para trem regional

Caxias do Sul - RS

O Prefeito de Caxias do Sul, Alceu Barbosa Velho, deu posse na terça (05/02) à comissão especial responsável pelo Plano de Revitalização das Ferrovias e o Trem Regional da Serra Gaúcha. Conforme o Decreto nº 16.184, integram a Comissão, que será coordenada pelo Vice-prefeito Antonio Feldmann, os titulares de oito secretarias e da Procuradoria Geral do Município.

Esta primeira reunião serviu para organizar as informações sobre projetos em execução e os estudos existentes para a utilização do trecho de 13,8 quilômetros cedido ao Município através de convênio com o Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). O Secretário Gilberto Boschetti, do Planejamento, mostrou os projetos a todos. A primeira tarefa da Comissão é formalizar pedido de renovação deste convênio, com base no que já foi implementado e dos projetos de aproveitamento do trecho entre a gare da Estação Férrea a Forqueta, que pertenceu à Rede Ferroviária Federal.

Segundo o Prefeito Alceu Barbosa Velho, a Administração Municipal tem todo o interesse em avançar no projeto do trem regional, aproveitando os programas nacionais de revitalização deste modal, de forma integrada com políticas municipais de fortalecimento da Cultura, Turismo, Esporte, Mobilidade Humana e Infraestrutura.

Além do pedido de renovação do convênio, o coordenador da comissão Antonio Feldmann, que acompanhou como secretário da Cultura, o processo que resultou na formalização do acordo com a União, propõe uma nova visão sobre os encaminhamentos para a conquista do trem regional. "O Prefeito Alceu está determinado a lutar pela união de esforços entre os representantes da sociedade regional, interessados em viabilizar o retorno do trem, beneficiando as comunidades de Farroupilha, Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa. Para isso pretende chamar uma reunião do Aglomerado Urbano do Nordeste do Estado (AUNE) e alinhar os esforços. A partir daí deve ser convocada audiência pública regional para que todos conheçam os resultados obtidos pela UFSC quanto a viabilidade técnica e econômica do trem, além do detalhamento final do projeto de implantação de um VLT (Veículo Leve sobre Trilhos)", reforçou Feldmann.

O Vice-prefeito acrescentou que todos os projetos preservam o traçado do trem para viabilizar o trem regional. "Já fomos selecionados pelo Governo Federal e estamos nos 14 trechos comunitários do Brasil. Agora precisamos mostrar isso para que possamos renovar esse convênio e colocar em prática esses projetos", afirmou Feldmann.

A próxima reunião da comissão foi agendada para o dia 04 de março.

O projeto de trens regionais do Ministério dos Transportes prevê a implantação de trens regulares de passageiros do tipo trem unidade leve podendo ser movido a diesel, biodiesel, GNV ou GNVL. Estes trens têm capacidade para atingir velocidade média de 80 km/h e, além de passageiros, podem transportar mercadorias, pacotes e outras encomendas.

Conforme dados do Ministério existem 64 trechos em todo o país que podem ser melhor utilizados a partir do transporte de passageiros, destes 28 foram analisados preliminarmente e nove serão alvos de estudos mais detalhados. Dois estão no RS: Bento Gonçalves/Caxias e Capão do Leão/Pelotas/Rio Grande/Cassino.

Prefeitura de Caxias do Sul – 08/02/2013

Comentário do SINFERP

No Estado de São Paulo, nada, nadinha...

Nenhum comentário: